link href='data:image/x-icon;base64 Blog do Fantasma - Notícias: Maio 2013

O Paraná Clube apresentou na noite desta terça-feira o atacante Paulo Sérgio, de 23 anos, que foi um dos destaques do Operário Ferroviário no Campeonato Paranaense. Além disso, o jogador formado nas categorias de base do Flamengo foi o artilheiro do Fantasma de Vila Oficinas no Estadual com sete gols. "O Paulo tinha propostas de diversos times, tanto da Série B como da Série A. Nosso projeto para esta temporada fez com que decidisse fechar com o Paraná", destacou Paulo Cesar da Silva, vice-presidente do time curitibano.
 
--> Leia na íntegra: Diário dos Campos


Foram 21 jogos, sete gols, seis assistências, apenas cinco derrotas e o vice-campeonato do interior do Paraná. Os números e conquistas comprovam que a passagem do meia Rone Dias pelo Operário foi extremamente positiva. Não foi à toa que ele terminou a competição estadual com status de ídolo da equipe de Ponta Grossa.

Como o Operário não terá calendário no segundo semestre de 2013, Rone Dias irá buscar um novo clube, mas ele faz questão de enaltecer a passagem positiva pelo Fantasma. “Foi uma campanha importante na minha carreira. Me dediquei ao extremo pra estar sempre bem nas partidas e pude dar minha contribuição ao time com gols, assistências e boas atuações. Saio de cabeça erguida e certamente com as portas abertas para voltar no futuro. Minha única lamentação foi não ter colocado o Operário na Série D”, declarou Rone Dias, que nesta segunda-feira irá completar 30 anos.

De volta à sua cidade natal (Mirassol D´Oeste, em Mato Grosso), Rone Dias fez questão de agradecer a todos os envolvidos na sua passagem pelo Operário. “Meu muito obrigado. É só o que tenho que falar. Agradecer aos meus companheiros, comissão técnica, diretoria e em especial a torcida do Fantasma, que é fanática e me apoiou muito. O clube e a sua apaixonada torcida merecem ter calendário participando de competições nacionais nos próximos anos”, ressaltou o meia, que foi o vice-artilheiro do alvinegro de Ponta Grossa no estadual.

 
Fonte: AV Assessoria, via Futebol Paranaense


O presidente do Operário Ferroviário, Laurival Pontarolo e o diretor-presidente da LA Sports, Luiz Alberto, concederam entrevista coletiva na tarde deste sábado, na sala de imprensa do Estádio Germano Kruger. Ambos confirmaram a continuidade da parceria por mais nove anos, independente do acordo feito com o Clube Náutico Marcílio Dias, agremiação que a LA Sports vai gerenciar neste segundo semestre.

O clube catarinense vai disputar a Séria D do Brasileirão, além da Copa Santa Catarina. De acordo com o Luiz Alberto, mesmo que o Marcílio Dias consiga a classificação para a Serie C, a LA Sports retorna ao Fantasma mantendo as atividades, tendo em vista a disputa do Campeonato Paranaense 2014.

Seguem do Operário Ferroviário para a equipe catarinense 15 atletas que devem começar os trabalhos nesta segunda-feira, visando a estreia no domingo, pelo Catarinense. O Marcílio Dias vai disputar o Campeonato Catarinense da Divisão Especial, Campeonato Brasileiro da Série D e Copa Santa Catarina.

O técnico Paulo Turra, também estará à frente da equipe catarinense. No paranaense o treinador obteve 66% de aproveitamento, conquistando resultados importantes e levou o Fantasma à final do Troféu do Interior. O treinador assume o comando na segunda-feira, já na apresentação dos reforços.

Leia na íntegra:
Site Futebol Paranaense


Logo após o apito final no Estádio do Café, que decretou o vice-campeonato do Operário Ferroviário no Troféu do Interior neste domingo, o discurso alvinegro sobre a avaliação da temporada 2013 foi baseado na reabilitação do time no 2° turno do Campeonato Paranaense. O Fantasma de Vila Oficinas perdeu o título de melhor equipe fora da capital no torneio após a derrota da 2 a 1 sobre o Tubarão, mesmo placar da vitória alvinegra no jogo de ida em Ponta Grossa, mas que deu o título ao alviceleste pela melhor campanha ao longo do Estadual.

"Eu não tenho muito o que falar destes jogadores. Quando nós chegamos, estávamos próximos da zona de rebaixamento, e mesmo assim conseguimos conquistar uma situação bem melhor na tabela", disse o técnico Paulo Turra na entrevista coletiva depois dos 90 minutos. E a análise do comandante se reflete na classificação do Operário, que começou o returno apenas dois pontos acima do 11° colocado do Paranaense, e terminou o torneio a dois pontos da vaga na Série D do Campeonato Brasileiro.

--> Leia na íntegra:
Site Futebol Paranaense

 
O Londrina venceu o Operário por 2 a 1 neste domingo no Estádio do Café e ficou com Título do Interior do Paraná. Além do troféu o Tubarão recebeu R$ 50 mil oferecidos pela emissora que detém os direitos de transmissão do Estadual.

Na partida em Ponta Grossa o Fantasma fez a liça de casa e venceu por 2 a 1, com o resultado o Alvinegro jogou precisando de um empate e ao Tubarão cabia vencer para conquistar a Taça e foi isso que aconteceu.

 
--> Leia na íntegra: Site Futebol Paranaense

Neste domingo, jogando no Estádio Germano Kruger, em Ponta Grossa, o Operário venceu o Londrina por 2 a 1 na primeira partida da Final do Interior do Campeonato Paranaense 2013. No ano passado o Arapongas foi o Campeão do Interior e em 2011 o Cianorte ficou com o título.

Com o resultado o Fantasma joga pelo empate para ficar com o Título do interior, em 2011 o Alvinegro foi vice após perder para o Cianorte nos pênaltis. O Londrina como teve a melhor campanha no geral, precisa vencer por um a zero para ficar com a taça. Quem ficar com o título além do troféu receberá R$ 50 mil oferecidos pela emissora que detém os direitos de transmissão do Estadual.

O Operário saiu na frente logo a 30 segundos, Rone Dias marcou para o time da casa. Alexandre Bambu saiu expulso e Weverton empatou para o LEC, mas Paulo Sergio marcou o gol da vitória do Fantasma em casa.

No domingo acontece o segundo jogo, desta vez em Londrina no Estádio do Café às 15:50h.

--> Leia na íntegra: Futebol Paranaense

Postado por Elisete XNS às 17:47 0 Comments


Operário e Londrina começam neste domingo, em Ponta Grossa, a decisão do Troféu Campeão do Interior; além do título, o campeão leva para casa o prêmio de R$ 50 mil
 
Na 1ª fase do Estadual, o Fantasma foi derrotado
pelo Tubarão por 1 a 0 no Germano Krüger
Levantar uma taça. Este é o objetivo do Operário Ferroviário na partida deste domingo, às 15h50, diante do Londrina, no Estádio Germano Krüger, pelo jogo de ida da decisão do Troféu Campeão do Interior. Além da conquista, o campeão leva para casa o prêmio de R$ 50 mil - oferecimento da emissora de televisão que detém os direitos de transmissão do Campeonato Paranaense. Sem a sonhada vaga na Série D do Campeonato Brasileiro, jogadores e comissão técnica deixaram claro que a conquista vai marcar o grupo na história do alvinegro.
 
"Estamos focados nesta decisão. Temos a missão de dar um título para o clube neste Centenário, então queremos premiar o nosso torcedor, que nos apoiou durante todo o campeonato", disse o meia Cacá. Entre discordâncias e constatações, o Fantasma de Vila Oficinas coleciona inúmeras conquistas regionais, mas nenhuma delas nos formatos mais recentes das competições organizadas pela Federação Paranaense de Futebol (FPF). O principal título do clube é o Campeonato Paranaense da Zona Sul, conquistado em 1961.
 
--> Leia na íntegra: Diário dos Campos

Antes de a bola rolar na atividade de sexta-feira,
o técnico Paulo Turra priorizou a conversa com todo
o elenco alvinegro
Imagem: Thiago Terada
Após perder título do interior para o Cianorte em 2011, equipe alvinegra retorna à decisão. Primeira partida terá como palco o Germano Krüger, hoje, a partir das 15h50
 
Em 2011, dentro do Germano Krüger, o Fantasma passou raspando pelo Troféu do Interior. O pênalti desperdiçado pelo goleiro Ivan – o quinto na série – decretou a conquista do Cianorte. Dois anos depois, o Operário volta a decidir a taça que reúne as duas equipes interioranas de melhor campanha no Paranaense. Neste domingo, às 15h50, os alvinegros recebem em Vila Oficinas o Londrina, sonhando com o troféu inédito para a galeria do clube. Além do título, a disputa vale o prêmio de R$ 50 mil, fornecido pela emissora que detém os direitos de transmissão do estadual.
Na atual temporada, o filme de 2011 não se repetirá por conta das mudanças de regulamento. As penalidades máximas não existem.
 
Fonte: Jornal da Manhã





Os 101 anos de fundação do Operário Ferroviário foram comemorados com uma grande costelada no clube de Vila Oficinas, nesta quarta-feira de feriado. Enquanto isso, o elenco profissional do Fantasma manteve a rotina de treinamento em dois períodos, tendo em vista a primeira partida da decisão do título do interior contra o Londrina, neste domingo, às 15h50, no Estádio Germano Kruger. O técnico Paulo Turra segue com a filosofia que vem dando certo, pregando intensidade, tanto nos treinos, como nas partidas do time alvinegro. Sob o comando de Turra, no início do returno, o Fantasma obteve a segunda melhor defesa e ataque e faltou muito pouco para conquistar a vaga na Série D. “Parabéns a este clube centenário e agora temos uma disputa importante pela frente e vamos manter o foco”, alertou o treinador, que começa a definir o time a partir desta quinta-feira.

O Operário Ferroviário tem 14 vice-campeonatos estaduais e tem um título polêmico, ganho no tapetão, em 1961, frente ao Coritiba. Agora tem a chance de conquistar o primeiro deles dentro de campo e devidamente reconhecido pela FPF.

Os ingressos para a primeira partida da decisão do título do interior do Campeonato Paranaense 2013, entre Operário Ferroviário x Londrina, neste domingo, às 15h50, no Estádio Germano Kruger terão promoção na compra antecipada.

Desta quinta-feira até sábado, véspera do jogo, os ingressos custarão 30 reais (inteira) e 15 reais (meia) na geral; 50 reais (inteira) e 25 reais (meia) nas arquibancadas cobertas. No domingo, dia do jogo, passarão para 60 reais (inteira) e 30 reais (meia) na geral; 100 reais (inteira) e 50 reais (meia) nas cobertas.

O Londrina já solicitou à diretoria do OFEC a liberação de 1.100 ingressos para venda antecipada. Lembrando que na partida do returno, um público de 15 mil torcedores compareceu no Estádio do Café, onde o Fantasma venceu por 1 a 0, gol do atacante Paulo Sérgio.

Os ingressos promocionais para o jogo decisivo em Vila Oficinas começam a ser vendidos nesta quinta-feira, nos seguintes pontos: Supermercado Tozetto (Uvaranas, Jardim Carvalho, Oficinas e Vila Estrela), Loja Maxitango (Vicente Machado e Shopping Palladium), Sá Acessórios (Muffato), AAFA e o no próprio Estádio Germano Kruger.
 
Fonte: Site Oficial Operário

101 anos de história
 
Operário completa 101 anos de história
Segundo clube mais antigo do Paraná, Operário chega aos 101 anos. Torcedor, Ângelo Defino faz revisão histórica e planeja reconhecimento de títulos estaduais do clube
 
O Operário Ferroviário Esporte Clube completa neste 1º de maio 101 anos de fundação. A data simboliza os trabalhadores que construíram as ferrovias entre o Paraná e Santa Catarina. Atualmente, o Fantasma de Vila Oficinas é o segundo clube em atividade mais antigo do Paraná.
A tradição de Ponta Grossa aparece desde 1909, quando o município princesino recebeu o primeiro jogo de futebol da história do estado. Passando por fases positivas e negativas, a força operariana ressurgiu na elite do esporte paranaense a partir de 2009, ano que culminou no retorno do clube alvinegro à primeira divisão estadual.

Apesar da volta recente, a centenária história alvinegra nunca foi perdida.

 

Completando 101 anos nesta quarta-feira, Fantasma celebra - apesar de 'acidentes' - boa campanha no 2° turno do Campeonato Paranaense
 
No último jogo do Centenário, alvinegro goleou
o Atlético por 4 a 1 no Germano Krüger
Em meio a semana de preparação para o primeiro jogo da decisão do Troféu do Interior com o Londrina, neste domingo, em Ponta Grossa, o alvinegro de Vila Oficinas comemora seus 101 anos com duas atividades nesta quarta-feira: uma delas é a tradicional 'costelada', que reúne os associados no almoço de 1° maio, na sede do clube; e a outra é um festival de futebol para meninos de 7 a 13 anos, que acontece a partir das 14 horas. A promoção do festival é do Fantasma em parceria com o curso de Educação Física da Faculdade Sant'Ana.
 
Com as ações de amanhã, o Operário fecha de forma oficial o ano do Centenário, que contou com atividades desde o início de 2012. "É um orgulho ser um dos presidentes do Centenário do Operário, sabendo que se trata do maior clube da nossa região e um dos maiores do Paraná. Ao mesmo, nossa responsabilidade aumenta a cada dia", destaca o presidente Laurival Pontarollo, que aproveitou para parabenizar a torcida, jogadores e comissão técnica do clube pelo aniversário.
 
--> Leia na íntegra: Diário dos Campos

Paulo Sérgio marcou três vezes e comandou vitória
alvinegra sobre o Furacão neste domingo
Com tudo que tinha direito. O baile alvinegro em Vila Oficinas teve grito de olé, artilheiro e muita festa dos mais de três mil operarianos que foram até o Estádio Germano Krüger. O Operário Ferroviário goleou o Atlético neste domingo por 4 a 1 e carimbou a faixa de campeão do rubro-negro, que precisou contar com a vitória do Coritiba sobre o Londrina por 3 a 1 no Couto Pereira para levantar a taça em Ponta Grossa. Já para o Fantasma de Vila Oficinas, a vitória não foi suficiente para conquistar a vaga na Série D do Campeonato Brasileiro.
 
A desclassificação da quarta divisão nacional veio dos pés de Ceará - ex-jogador do Operário - no Estádio Janguito Malucelli, em Curitiba: o meio-campo do Jotinha marcou o único gol da vitória curitibana sobre o Toledo, que confirmou a equipe do Parque Barigui na Série D junto com o Londrina. "Sabíamos da importância de classificar o time para a Série D. Infelizmente não conseguimos a vaga, mas fechamos o campeonato de forma brilhante contra o Atlético, que é um time grande", disse o atacante Maicon Veiga.
 
Por outro lado, o pensamento em Vila Oficinas neste momento é na decisão do Troféu Campeão do Interior. O alvinegro vai encarar o Londrina em busca do prêmio de R$ 50 mil dado pela emissora que detém os direitos de transmissão do Estadual e também pela condição de melhor equipe do interior do Estado. "Lógico que não vou dizer que estou 100% feliz, porque fizemos uma campanha da classificação para a Série D no 2° turno. Mas a minha situação pode ficar melhor se a gente conquistar este título do interior, e vamos trabalhar muito para isso", garantiu o técnico Paulo Turra.
 
--> Leia na íntegra: Diário dos Campos