link href='data:image/x-icon;base64 Blog do Fantasma - Notícias: Mais um para a conta alvinegra


Por Sebastião Neto, Diário dos Campos - publicado em 08/02/2013
 
Operário fica no empate pela quinta vez em seis jogos no estadual; contra o Paraná, gol da igualdade saiu aos 42 minutos do 2° tempo

Fantasma saiu mais uma vez na frente, com Alex Moraes,
mas deixou escapar a segunda vitória
Imagem: Fábio Matavelli
A invencibilidade no Campeonato Paranaense 2013 foi mantida, mas o resultado mais uma vez não foi motivo de festa. Nesta quarta-feira, o Operário Ferroviário conquistou o quinto empate em seis jogos no estadual e a distância para a zona de classificação para a Série D do Campeonato Brasileiro aumentou para três pontos. Com a nova igualdade, desta vez em 1 a 1 contra o Paraná Clube, no Estádio Germano Krüger, o sinal de alerta começa a soar mais alto no time 6° colocado no torneio com oito pontos. O próximo duelo da equipe de Ponta Grossa será no sábado, diante do vice-líder J. Malucelli às 16h30, na casa do adversário.



Após a partida, o técnico Lio Evaristo deixou claro que o Fantasma de Vila Oficinas joga em busca da vitória, mas que as circunstâncias do futebol estão complicando o alvinegro ao longo do Paranaense. "Não jogamos para empatar, jogamos para vencer. Infelizmente foi novamente uma situação que vem acontecendo em sequência, e agora é mais uma vez ter que levantar o emocional do jogador, porque não está fácil para eles, nem para o nosso torcedor", explica o comandante, falando sobre o gol de empate sofrido pelo Operário aos 42 minutos do 2° tempo, através do francês Aymen.

Antes do empate, o Fantasma usou a bola parada para abrir o placar: aos 25 minutos da etapa final, Alex Cazumba cruzou na cabeça de Alex Moraes e o zagueiro de 1,94 colocou a bola no fundo da rede, no canto esquerdo do goleiro Luis Carlos. Antes do gol, ainda no 1° tempo, Maicon Veiga fez grande jogada e o lateral-direito Gabriel Marques evitou o gol alvinegro em cima da linha, enquanto o atacante Lusinho chegou a fazer o primeiro do Paraná, mas o lance foi anulado pelo assistente Julio Cesar de Souza.

"Estou chateado com o resultado, o torcedor não merecia, nem os jogadores. Nosso time foi competitivo, foi a cara do Operário, um time de vibração e de determinação nos 90 minutos" disse Lio Evaristo. Entre as mudanças promovidas pelo técnico, as mais importantes foram a entrada de Maicon Macedo na lateral-direita e de Maicon Veiga no ataque, enquanto Edimar foi para o banco de reservas dando lugar a Jacio. Quem sequer foi relacionado para o jogo foi Felipe Correia, titular nos cinco primeiros jogos do alvinegro até então.

Jotinha
Para o jogo diante do J. Malucelli na tarde de amanhã, o Fantasma terá pouco tempo para trabalhar: o time fará apenas um treino, na manhã de hoje, no Estádio Germano Krüger. Às 14 horas, o grupo embarca para Curitiba onde fica concentrado para o duelo frente o time do Parque Barigui. Para o duelo entre Jotinha e Operário, o valor dos ingressos já está definido: R$ 30 com direito a meia-entrada.

Box

Silvio, Cacá e Sandro preocupam DM

Além de ganhar mais um empate para a 'coleção' alvinegra, o Operário Ferroviário ganhou de uma vez só três problemas no Departamento Médico: os meias Cacá e Sandro, que se lesionaram durante o jogo, além do goleiro Silvio, que protagonizou um momento curioso antes da partida. Durante o aquecimento, o arqueiro alvinegro sentiu dores na região lombar e foi substituído às pressas por Serginho, enquanto o jovem Éder, de 20 anos, ficou entre os suplentes.

Para o jogo diante do Jotinha, a situação que mais preocupa é a de Silvio, já que o próprio goleiro afirmou que esta lesão já o incomodava desde a partida contra o Cianorte. No meio-campo, Pedrinho e Edimar substituíram os lesionados no jogo contra o Paraná, mas os jogadores tem boas chances de retornarem a equipe no sábado. Outro que deve voltar ao time é o meia Rone Dias, que não foi relacionado para o jogo contra o Paraná Clube para melhor condicionamento físico.

0 Responses so far.